CULTURA: Museu da Marioneta – O Mundo da Fantasia de Pano e Cordel

Aqui não existe televisão, computador, efeitos especiais ou qualquer componente de animação pertencente à mais moderna actualidade do mundo da animação. Aqui, as personagens são palpáveis, e contam histórias sobre o seu país de origem e divertem miúdos e graúdos. E pode ver isto tudo aqui, no Museu da Marioneta de Lisboa.


Através de uma visita guiada pela directora Maria José, foi possível adquirir a extraordinária percepção do mundo de fantasia onde as personagens são marionetas, provenientes de diversos locais do mundo, e fielmente expostas em diversas colecções no Museu da Marioneta.

 

Fonte: www.cafeportugal.com


No Museu da Marioneta, a maioria das personagens são feitas de madeira, tecido, metal, couro, pigmentos, ouro e até osso, prevalecendo sempre o design cultural, e a composição feita por materiais típicos do país de origem. Para além desta característica, todas as marionetas são obras de arte únicas, têm peso diferente (algumas pesam poucos quilos, outras pesam cerca de 20 a 30 quilos e necessitam mais de uma pessoa para a manipular) e provem de um percurso histórico e cultural privilegiado, retratando diversos momentos vividos no Mundo. Deste modo, cada marioneta conta uma história para além da criada para entreter o público. Conta a história da cultura de um povo.

 

Fonte: http://revistan.org e http://4.bp.blogspot.com

 

As marionetas do Vietnam, denominadas marionetas de água, contam as histórias do quotidiano e a cultura do arroz dos países orientais; as marionetas dos anos 20/30 eram as figuras principais das feiras e eram responsáveis por trazer as novidades de forma a evitar a censura; as marionetas da China, Turquia e Indonésia actuavam sobre a sombra e perante um fundo de luz; são algumas das histórias contadas pelas marionetas, presentes nos diversos eventos e espectáculos organizados pelo museu, tanto a miúdos e adultos.

 

Fonte:http://4.bp.blogspot.com e www.cafeportugal.com


O mundo das marionetas pode ser organizado em três categorias básicas de manipulação: as marionetas animadas a partir de um plano superior - marionetas de fios e de vara; animadas a partir de um nível inferior - marionetas de luva, vara, sombra e marotte; e animadas a partir do mesmo plano - marionetas de sombra com manipulação horizontal. Todas as marionetas foram construídas à mão, e estão somente 3 meses expostas à luz do museu, necessitando constantemente de técnicas de conservação.

 

Fonte: http://3.bp.blogspot.com e www.cafeportugal.net

 

As diversas marionetas e mascaras que compõe a colecção do museu foram recolhidas pelo coleccionador Francisco Capelo em diversos países do mundo, tais como as mascaras e marionetas orientais de Java, Bali, Sri Lanka, Birmânia, Tailândia, Índia, Vietname, China, prevalecendo o sudeste asiático, África, Europa, Brasil, e Portugal. Também estão expostos alguns objectos que simulavam as condições ambientais de uma peça de marionetas, como por exemplo uma máquina do sec. XVIII que simulava o vento.

 

Fonte: www.cafeportugal.com

 

Em relação à marioneta portuguesa, o museu destaca os momentos mais marcantes da nossa cultura: “Um teatro rural, de características marcadamente populares, de um universo de feira e pavilhões ambulantes, passando por um teatro urbano, já com preocupações estéticas e didácticas, até um teatro erudito, contemporâneo, de que são exemplo as Marionetas de S. Lourenço que fizeram reviver uma tradição portuguesa, setecentista, de teatro e ópera, magnificamente expressa na obra de António José da Silva”, divulga o website do museu da marioneta.

 

Fonte: www.cafeportugal.net


O museu da marioneta fica situado no Convento das Bernardas, fundado em 1653 por concessão de D. João IV. Foi reconstruído após 1775 derivado à destruição causada pelo terramoto, e em 1834, em consequência da extinção das Ordens Religiosas, o edifício é vendido a particulares, utilizando-o para diversas ocupações (liceu, sala de cinema, sede de filarmónica até ser totalmente ocupado com habitações). A Câmara Municipal de Lisboa adquiriu o edifício em 1998, procedendo à sua recuperação. O imóvel é considerado de Interesse Público, e contem o Museu da Marioneta, o restaurante A Travessa e casas de habitação social.

 

Fonte: Filipe Amorim


Visite o Museu da Marioneta em Lisboa, conheça os diversos eventos temáticos que o museu faculta constantemente ao público e disfrute um dia diferente em família!


Contactos:
Convento das Bernardas
Rua da Esperança, n° 146
1200-660 Lisboa

Tel.: +351 213 942 810
Fax: +351 213 942 819
E-mail Geral: museudamarioneta@egeac.pt
Website: www.museudamarioneta.pt

 

Fonte: http://1.bp.blogspot.com

Exibições: 309

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Pintar como os grandes

Criado por Agenda MyGuide 24 Nov 2020 at 18:30. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide terça-feira.

É um restaurante?

Criado por Agenda MyGuide 9 Nov 2020 at 11:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9 Nov.

Contagem decrescente para o Halloween

Criado por Agenda MyGuide 21 Out 2020 at 12:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 30 Out.

© 2020   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço