Tudo o que você precisa saber de Bariloche, Argentina:

O que levar em consideração para quem viaja pela primeira vez para Bariloche? Com certeza esta é uma das perguntas mais frequentes que as pessoas colocam antes de visitar a maravilhosa cidade de San Carlos de Bariloche, na Patagônia, Argentina.

Neste artigo apresento-lhe tudo o que você deve saber antes de arrumar as malas para pisar a neve neste país.

Neve e montanhas, lagos e rios, pesca e natureza, e muitas outras atividades são alguns dos motivos pelos quais inúmeros turistas vão para essa região na província de Neuquen

Atividades na Neve:

Para desfrutar dessas atividades você tem que viajar para Bariloche na alta temporada, especificamente no inverno, que vai de Junho até começo de Setembro.

Onde? Nos maiores centros de esqui da América do Sul, o Cedro Catedral e o Cerro Otto.

Lá você não terá somente os equipamentos necessários para realizar esta atividade mas também, professores disponíveis para treiná-lo.

Atividades de Caminhada:

Para aqueles que somente gostam de passear e admirar as maravilhosas paisagens dessa região, podem optar tranquilamente por excursões e passeios programados ou não.

Excursões podem ser terrestres, nos lagos, realizar em veículos próprios ou alugados nas agências da cidade.

Uma ótima opção para quem está de carro é visitar o sul do Chile. A travessia da Cordilheira pode ser feito na rodovia que é totalmente asfaltada e os trâmites do visto (Aduana) são bem simples e fáceis. Desta forma, você conhece uma outra cultura apenas cruzando essa fronteira.

A viagem: Não existem voos diretos do Brasil até Bariloche, o menor tempo de viagem de São Paulo até Bariloche é pela LAN, em torno de aproximadamente 7 horas.

Roupas necessárias:

Em primeiro lugar temos que levar em consideração que o tempo pode mudar ao longo da região, mas se a pergunta é que roupa colocar na mala, então é sempre recomendável colocar roupas impermeáveis e térmicas.

Se você viaja só para relaxar e fazer outras atividades que não seja  o ski, então é sempre recomendável levar roupas confortáveis e quentes!

Os calçados cômodos para andar sobre pedras e superfícies irregulares são indispensáveis.

Mesmo que você vá para Bariloche no verão, lembre-se de que as noites de lá são frias.

Você ainda tem a oportunidade de alugar roupas para esqui. (Alugar roupa de neve)


 

  • Quando neva: Junho, Julho, Agosto e Setembro

 

 

Alojamentos:

A hotelaria em Bariloche é bem variada, oferece muitas opções como: hotéis, albergues, apart hotel, bungalôs, cabanas e campings.

Os hotéis são desde 1 a 5 estrelas, cabanas e bungalôs de 1 a 3, essas são algumas das opções que se encontra na cidade, os preços variam.

Altas e baixas temporadas:

A variação de preços nos setores hoteleiros e no aluguer de carros, e também a quantidade de pessoas que nos cruzaremos durante a estadía em Bariloche, está diretamente relacionada com as distintas temporadas ou épocas do ano. Por isso, é fundamental conhecer quais são os meses que correspondem a cada uma de elas:

  • Alta Temporada: meses de Janeiro, Fevereiro, Julho e parte de Agosto
  • Temporada media: Março, Abril. Junhoç Setembro e Dezembro
  • Baixa Temporada: Maio, Outubro e Novembro

 

 

Gastos diários (em pesos $ argentinos: 1R$ = $2,3 aproximadamente)

Veja uma estimativa de gastos importantes que os turistas têm em San Carlos de Bariloche, na Argentina.

 

Os preços abaixo estão em ARS$ (Pesos Argentinos).

 

Corrida de táxi do Aeroporto ao Centro de Bariloche: ARS$ 55,00.

 

Corrida de táxi do Aeroporto ao Cerro Catedral: ARS$ 110,00.

 

 

Passagem de ônibus do Aeroporto ao Centro: ARS$ 15,00.

 

1 hora e 30 minutos de patinagem no gelo com aluguer de equipamentos: custa ARS$ 40,00.

 

1 ingresso de cinema: custa entre ARS$ 17,00 e ARS$ 20,00.

 

Diária de aluguer de esquis e botas: custa entre ARS$ 34,00 e ARS$ 60,00.

 

Teleférico em Cerro Catedral: custa ARS$ 95,00.

 

Teleférico em Cerro Campanario: custa ARS$ 30,00.

 

Teleférico do Cerro Otto: custa ARS$ 70,00.

 

Lanche rápido: custa entre ARS$ 3,50 e ARS$ 12,00.

 

Prato típico “Veado ao Caçador ou Goulash”: custa entre ARS$ 60,00 e ARS$ 70,00.

 

Pizza grande: custa entre ARS$ 50,00 e ARS$ 80,00.

 

Parrilha argentina: custa entre ARS$ 90,00 e ARS$ 100,00.

 

Garrafa de vinho: custa entre ARS$ 20,00 e ARS$ 48,00.

 

Lata de refrigerante: custa ARS$ 3,00.

 

Chocolate quente: custa ARS$ 2,50.

 

Fatia de torta doce: custa ARS$ 6,00.

 

Cerveja artesanal: custa entre ARS$ 20,00 e ARS$ 24,00.

 

Quilo de chocolate caseiro nas lojas: custa entre ARS$ 100,00 e ARS$ 180,00.

 

Doces artesanais: custa entre ARS$ 15,00 e ARS$ 18,00.

 

Obs: todos os preços acima podem mudar ao longo do ano.

 Passagens aéreas: LAN BRASIL

Exibições: 1799

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Brolas em 26 Abril 2012 às 21:06

Argentina é o meu próximo destino.

Agosto é boa opção?

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Vida e obra de Frida Kahlo em livro com ilustrações de Maria Hesse

Criado por MyGuide 10 Out 2018 at 13:00. Actualizado pela última vez por MyGuide 10. Out, 2018.

Música e Cocktails ao final da tarde no Lisbon Marriott Hotel

Criado por Agenda MyGuide 9 Abr 2018 at 15:02. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Abr, 2018.

O Festival de Storytelling regressa a Lisboa e ao Porto

Criado por Joana Sá Pinto 2 Abr 2018 at 13:15. Actualizado pela última vez por Joana Sá Pinto 2. Abr, 2018.

© 2019   Criado por Administrador Transglobal.   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço