Com o aproximar do dia dos namorados muitos se questionam sobre o que oferecer ou que surpresa proporcionar à sua cara-metade. Entre as habituais flores, o perfume que não sabe escolher, o típico relógio edição especial, ou o jantar rotineiro, sugiro algo mais audaz que irá, com toda a certeza, surpreender.


Que tal uma viagem romântica a dois à cidade do amor? Se dispõe de tempo e dinheiro, não hesite e celebre o sentimento que vos une com uns dias de verdadeira paixão em Veneza.


Esta cidade é famosa pelas suas inúmeras atracções, assim como os seus imensos canais, as emblemáticas gôndolas, o festival de Cinema, o famoso carnaval que, durante 10 dias, enche as suas ruas com as mais belas máscaras e trajes que se caracterizam pelo tradicionalismo, luxo e bom gosto, mas principalmente por ser um dos lugares mais românticos do mundo. As ruas estreitas e em pedra, as vistas sobre os numerosos canais e pontes, a deslumbrante arquitectura e o próprio sentimento que paira no ar, despertam sensações, seduzem e encantam, fazendo deste destino um dos mais procurados pelos casais enamorados.

 

 

Mas como Veneza não se resume a amor, não se foque somente na sua alma gémea e explore os encantos desta maravilhosa ilha italiana. Calce umas sapatilhas confortáveis, pois andar a pé é a única maneira de se deslocar por entre a cidade uma vez que não existem carros, autocarros ou metro, e perca-se nas mais variadas ruas onde as pontes se complementam, os canais se confundem e os becos se multiplicam. Deixe-se levar ao encontro da exuberante Piazza San Marco, uma enorme praça de frente para o Palácio Ducal e para a mítica Basílica San Marco, que se encontra sempre repleta de turistas e de milhares de pombos que lá pairam em busca de bagos de milho. Perca neste maravilhoso lugar algum do seu tempo, gire sobre si mesmo umas quantas vezes e contemple cada centímetro desta praça encantada. Ainda aqui, entre no belíssimo Quadri e beba um delicioso chocolate quente e, obrigatoriamente, sente-se no mais emblemático café de Veneza, o requintado Café Florian. Experimente os vários e exóticos chás que este café tem ao seu dispor, beba campari soda (só porque é chique, segundo Miguel Sousa Tavares) e experimente a extraordinária club sandwish, mas sempre com muita atenção ao preçário.

 

 

Continue a sua jornada e caminhe pelas ruelas apertadas, aprecie tudo o que envolve esta fantástica cidade, perca-se muito e descubra as melhores lojas de alta-costura, as várias bancas de ruas onde encontra todo o tipo de souvenires, e chegue finalmente a Rialto, a simbólica ponte que já foi palco de muitos filmes como 007- Casino Royal. Esta é uma das zonas mais procuradas pelos turistas em Veneza onde terá que, praticamente, lutar por um lugar de onde possa tirar uma fotografia do alto desta famosa ponte com vista para o Grand Canal, o maior e mais importante da cidade. Com uma paisagem tranquila onde pode observar os vários barcos que por lá passam, aproveite para apanhar uma gôndola.

À medida que rasgam os canais, os gondoleiros cantam músicas italianas intercaladas com a descrição da cidade, dando a conhecer a casa do célebre Casanova, a casa de férias de Hitler, Guggenheim ou a grandiosa universidade virada para o Grand Canal. Apesar dos preços exorbitantes, esta é uma experiencia que não vai querer perder pois ir a Veneza e não andar de gôndola, já diz o ditado, é o mesmo que “ir a Roma e não ver o Papa!”

 

 

A cidade tem o seu encanto de dia, mas nada comparado com as visões que proporciona durante a noite, quando a lua e as luzes reflectem toda a sua beleza na água e nas imensas gôndolas ancoradas que se movem ao ritmo suave da leve ondulação, há toda uma magia que envolve este ambiente sedutor. Aproveite para dar um passeio à beira mar e de seguida jantar uma fantástica massa italiana num dos vários restaurantes situados nas margens do Grand Canal com vista para a esplendorosa ponte de Rialto. Não deixe de provar as pizzas, a deliciosa massa de lagosta e a tradicional pasta al nero di seppia (tinta de choco).

 

 

 

Passe este dia de São Valentim em Veneza e aproveite para namorar na capital mais romântica de sempre. Perca-se para encontrar, descubra para desfrutar e fotografe para mais tarde recordar!

 

 

 

Exibições: 961

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Maria Claudia Rocha Ferreira em 14 Fevereiro 2011 às 15:01

Nunca fui à Itália, mas tenho a certeza que Veneza é um dos destinos top para festejar o dia dos Namorados, ou passar uma Lua-de-mel inesquecível.

Mas para ser totalmente sincera, o que me dá mais vontade de conhecer a Itália é a gastronomia. É um dos tipos de comida que mais adoro e tenho imensa pena por nunca poder ter tido a oportunidade de comprovar se a original é assim tão espectacular.

 

PS: Essas fotos deram-me fome...:(

Comentário de Erica Duarte em 14 Fevereiro 2011 às 10:57
Obrigada Pedro. Na próxima vez que visitar Veneza vou ter em conta esses três lugares mágicos :)
Comentário de Pedro Bretes em 14 Fevereiro 2011 às 0:24

Adoro Veneza e já a visitei várias vezes. Mesmo aqueles que nunca estiveram em Veneza, já lá estiveram através do Cinema e da Literatura. Na minha ultima viagem a esta cidade, fiz a Veneza do Hugo Pratt. Este génio da Banda Desenhada percorre a cidade durante 7 dias.

O Livro chama-se "Fábula de Veneza"  e aconselho a sua leitura antes de uma viagem a Veneza.   

Segundo Hugo Pratt, "há, em Veneza, três lugares mágicos e secretos: um na rua do Amor dos Amigos; um segundo nas proximidades da ponte das Maravilhas; e um terceiro na calle dei Marrani, perto de San Geremia, no velho Ghetto". E, "quando os venezianos - por vezes malteses - se cansam das autoridades, dirigem-se a este lugares e, abrindo as portas ao fundo desses pátios, partem para sempre para países fantásticos e outras histórias".
Assim termina a "Fábula de Veneza", uma aventura particularmente especial para Pratt não estivesse ele umbilicalmente ligado à Sereníssima. Seguir os passos de Corto Maltese por Veneza é talvez o mais fácil percurso de todos, tal a precisão com que Hugo Pratt descreve os locais nos seus desenhos.

Comentário de Erica Duarte em 13 Fevereiro 2011 às 20:48

O carnaval de Veneza é algo que também quero muito conhecer. Fico ansiosamente à espera de notícias dessa sua experiência! :)

Comentário de Milene Cabral em 13 Fevereiro 2011 às 20:39
Erica, adorei mais uma vez. A 1ª vez que fui a Veneza já faz 10 anos , apenas 5 dias após o 11 set 2001..ficou sempre marcada na minha memória como uma cidade única a que quero voltar. Conto regressar este Carnaval para sentir a atmosfera única da cidade nesta época do ano...e dar nótícias por aqui dessa viagem ! Obrigada pelas dicas :)
Comentário de Erica Duarte em 10 Fevereiro 2011 às 20:44

Muito obrigada Manuela :)

Veneza é uma cidade que vale sempre a pena recordar! 

Beijinho

Comentário de manuela flaspoehler barreto em 10 Fevereiro 2011 às 15:38

Erica, voce fez me sentir uma saudade imensa por esta cidade onde vivi há muitos anos atrás, da qual tenho tão boas recordações!

Obrigada pelo seu artigo!

um beijinho e continue sempre a partilhar connosco a sua VIDA BOA! e parabens pelo prémio merecido!

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Aulas regulares (e para todos) no Museu do Oriente

Criado por MyGuide 5 Jan 2021 at 10:16. Actualizado pela última vez por MyGuide 5. Jan, 2021.

Pintar como os grandes

Criado por Agenda MyGuide 24 Nov 2020 at 18:30. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 24. Nov, 2020.

É um restaurante?

Criado por Agenda MyGuide 9 Nov 2020 at 11:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Nov, 2020.

© 2022   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço