CULTURA: Vídeo Home System: a obediência

VÍDEO HOME SYSTEM inaugura hoje, no cinema Nimas, em Lisboa, integrado num novo ciclo de programação multidisciplinar da associação cultural POGO, com o apoio da DG Artes e da Fundação Calouste Gulbenkian. 

 

VÍDEO HOME SYSTEM é um evento pós-punk em torno da cultura visual do sistema VHS que marcou os anos 80. Comissariada por Ruy Otero, Bruno Cecílio e Fernando Fadigas (música), integra uma programação de 11 dias dentro e fora da sala do antigo cinema do Nimas, espaço emblemático da capital, coetâneo da era do VHS.

 

VIDEO HOME SYSTEM reúne artistas como Rita Só (performer), Alexandre Estrela e Miguel Soares (artistas plásticos), Francisco Luís Pereira (filósofo), João Urbano (escritor), Pedrita (designers), Teresa Milheiro (designer de jóias) e ainda Paulo Carmona, Tiago Batista, Pedro Cabral Santo, que fizeram parte, nos anos 90, de “Autores em Movimento”, e expõem novamente em conjunto, algo que deixaram de fazer desde então.

 

Reunindo mais de 40 artistas portugueses de diferentes gerações, VÍDEO HOME SYSTEM apresenta conteúdos originais numa narrativa que põe em diálogo e interacção diferentes olhares artísticos sob a forma de entretenimento conceptual. Explorando as fronteiras entre as várias disciplinas – vídeo, música, artes plásticas, fotografia, performance, design, joalharia e escrita – o evento procura o seu carácter artístico único e apresenta uma revisão dos anos 80 e 90, sobre a pós-política e a arte.

 

O POGO assume a força de um colectivo, num evento eclético com mais de 80 obras, onde se projecta, sob o mote da “obediência”, uma estética, uma atitude crítica e um estado de espírito sobre a actualidade. Criteriorisamente seleccionados, os artistas que se apresentam, alguns já tendo colaborado anteriormente com o POGO, pertencem a uma das gerações mais politizada de todas.

 

VÍDEO HOME SYSTEM alia exposição-instalação permanente nas zonas exteriores à sala de cinema com estreias de curtas-metragens, sessões de video-screening, performances de palco, a par de concertos de música experimental e jazz. A programação de música do evento VÍDEO HOME SYSTEM consiste na apresentação de um leque variado de propostas nacionais provenientes da esfera experimentalista, uns mais próximos da música electrónica e improvisada, outros vindos de campos mais ambientais e progressivos, todos com uma missão em comum, explorar o espaço e o palco do Cinema Nimas utilizando meios contemporâneos do VHS, como os sistemas analógicos de síntese, as fitas magnéticas, o Walkman, o Casiotone, as consolas Gameboy, o Zx Spectrum, o Atari e o 8-Bit (o som característico dos jogos de computador dos anos 80).

 

A exposição permanente integra, ainda, como forma de manifesto, dois ícones da cultura dos anos 80: uma máquina de flippers tunizada, a “Máquina da Desobediência” e uma máquina de feira com gancho, “ Os Quatro Cavaleiros do Apocalipse”.

 

VÍDEO HOME SYSTEM terminará com uma conferência ligada à desobediência na óptica das artes do espectáculo e suas linguagens actuais com o director editorial da revista NADA, João Urbano e Francisco Luís Parreira.

 

 

Programação detalhada:  http://www.facebook.com/note.php?note_id=232778163441454 

Exibições: 276

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Ana Tomasi em 22 Setembro 2011 às 12:56
Lá estarei, "desobediente", com o meu walkman. ;)

© 2020   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço