VIAGENS (lá fora): Bariloche, ver para crer!

Uma das cidades mais belas do mundo é sem dúvidas San Carlos de Bariloche.
Escolhida pelos turistas de todo o mundo que vêm à Argentina e que, normalmente, têm como objetivo pelo menos dois pontos turísticos para conhecer antes de ir embora: Buenos Aires a capital do país e San Carlos de Bariloche, ou “Bariloche”, um dos lugares onde a neve se encontra.
Bariloche! Vamos Lá?
Começaremos a explicar em que parte da extensa Argentina está localizada.
Localizada ao sudoeste da Província de Rio Negro e a 1.640 km de Buenos Aires, esta cidade é considerada a principal cidade turística da região.
Foi fundada no ano de 1902 e seu nome é derivado do termo mapuche (indígena) “vuriloche” que significa “gente distinta ou diferente, do outro lado”, enquanto San Carlos recebeu este nome devido ao primeiro armazém, cujo proprietário era o Alemão Carlos Wiederhold, quem iniciou as atividades comerciais na região.
É mais comum escutar e mencioná-la somente como “Bariloche” ou talvez seja nomeada pelos mais jovens como “Bariló”.
Hoje este lugar conta com estruturas totalmente adaptadas ao turismo que é constante durante todo o ano.
Além de ser conhecida pela neve, a cidade oferece atrações únicas todo o ano e para todos os gostos.
O que conhecer do Centro Cívico:
Primeiramente ele abre o ano todo e é o lugar mais encontrado nos típicos cartões postais de Bariloche, é muito bonito e visitado por turistas de todo o mundo.

Neste centro é bem comum encontrar turmas de estudantes graduados de províncias distintas da Argentina, que como tradição escolhem “Bariló” para suas festas de comemoração de formatura do ensino médio.
Depois da desvalorização da moeda argentina em 2002 este lugar é visitado por estrangeiros de muitos outros países europeus e, sobretudo brasileiros, que hoje podem visitá-lo luxuosamente pela “metade do preço”.
No centro Cívico você pode visitar: o Museu da Patagônia, a Biblioteca Faustino Sarmiento e até a Secretaria de Turismo onde pode planejar os melhores tours e obter informações.
As estruturas gastronômicas oferecem jantares típicos e almoços, podendo degustar os mais gostosos chocolates de Rio Negro, típicos da província e pode ainda pode comprar lembranças e presentes para seus entes queridos.
Em uma das suas laterais o centro Cívico oferece a espetacular vista do lago Nahuel Huapi.
Bariloche Argentina o ano todo:

Outono:
A paisagem que oferece é típica de conto de fadas, com cabanas e chaminés, com árvores e folhas amarelas, além de ser um lugar para relaxar a alma, é um colírio e estimula a imaginação.
Os dias nesta época são frescos com noites frias, as temperaturas oscilam entre quatro e 13 graus, são as ótimas temperaturas para ficar ao calor da lareira, tomando um bom vinho Argentino o Chileno, quiçá uma fondue e boa companhia.

Inverno
A época mais esperada é a temporada de neve na Argentina e é o lugar mais visitado nas férias de inverno, o momento em que todos procuram as melhores promocões de passagens para Argentina é nessa época!

Logo depois do outono a cidade começa a encher-se com pessoas de todas as partes, prontos para esquiar, praticar snowboard ou o famoso “esqui sentado” que possui um nome local bastante peculiar que não reproduziremos aqui, mas recomendamos pesquisar sobre.
Para quem não conhece ainda esta região mais Austral do país, temos algumas dicas na hora de esquiar que recomendamos avaliar de acordo com o nível de prática que você venha ter sobre este Sport:
Esqui Nórdico: é o esqui mais fácil para quem começa; se aprende a caminhar com o equipamento de esqui, e é sempre recomendado ter ao lado um instrutor profissional; quando se aluga o equipamento eles estarão ali, prontos para te ajudar. Com o aluguel tem-se 2 horas com o profissional a seu lado para aprender as técnicas básicas para desfrutar da neve.
Caminhada com Raquetes: é a mais básica de todas as formas de desfrutar da neve, consiste em duas raquetes colocadas como base no pé e sempre com ajuda de um instrutor.
Esqui de montanha: Para quem já sabem esquiar, é um tipo de atividade mais avançada. Feita fora das pistas onde estão os Iniciantes, longe da multidão.
Ao tratar-se de pessoas que já conhecem a técnica, a pessoa é totalmente independente, pudendo subir e descer na pista de esqui.
Tem que conhecer muito a técnica, já que nas montanhas, por razões óbvias, às vezes será preciso curvar ou frear repentinamente e para isso é necessário ter esses conhecimentos.
As técnicas mencionadas acima se chamam “técnica de Baixada” para descer a montanha e a “técnica de fundo” que é a técnica para deslizar-se sobre superfícies planas.
Também tem travessias com muita adrenalina já que em Bariloche as montanhas oferecem esta possibilidade de serem exploradas com ajuda do equipamento especial, mas estas travessias são recomendadas se fazer em grupo e com acompanhamento de um instrutor ou esquiador profissional.
Se você quer fazer esta travessias em grupos recomendamos pedir por: A TRAVESIAS AL REFUGIO FREY e A TRAVESIA REFUGIO SAN MARTIN.
SnowBoard: Consiste em equilibrar-se sobre uma prancha, sobre superfície com muita neve e como o esqui e realizar deslizamento e saltos.
A superfície da prancha tem que ser proporcional ao corpo da pessoa que realiza a prática, para calcular isto, a prancha em pé, desde o chão, deve chegar até o nariz da pessoa.
O snowboard é um esporte extremo e tem que ser levado a sério por quem quer começar a praticá-lo.
O equipamento necessário é: Capacete, Roupas especiais alugada nas zonas onde se realiza o esporte, luvas e óculos.
Estas atividades são as mais comuns em temporadas de esqui na Argentina e no país limítrofe, Chile, conhecido também pela grande pista de Esqui Chile

Bariloche em Primavera e Verão:
Se ainda não conhece Bariloche e por razões diversas não pode vir na temporada “alta” (outono e inverno) não fique triste! Este lugar tem tanto que oferecer que você não vai esquecer jamais, seja qual for a época do ano que a visite.
Esta cidade limita com o impactante Lago Nahuel Huapi, centro de atração de milhões de turistas, onde se acreditar haver um monstro!
Ainda não escutou falar desta lenda? Pois venha! Tem que ver para crer…

La leyenda del Monstruo del lago Nahuel Huapi:
Como deixar de visitar este lugar, sabendo que ainda há um mistério a resolver?
O monstro do lago Nuehuel Huapi, conhecido como ” Nahuelito” é ainda um enigma que envolve Bariloche e suas histórias.
Durante o século XIX os aborígenes da região, já mencionavam que não estavam sozinhos, que esta estranha criatura era parte da paisagem.
Conta a lenda que ele aparecia eventualmente no lago. Os indígenas deixaram histórias que falam sobre ele, e que até hoje são contadas.
Seu corpo é como de uma serpente enorme, com uma cabeça muito grande, que desliza sobre a costa do lago com movimentos ondulares deixando sua marca na água.
Posteriormente, várias turmas de estudantes no século XX, que iriam festejar a graduação nesta cidade, afirmam ter visto o mostro do lago.
Mas não é possível confirmar essa estranha presença, por enquanto só aparece esporadicamente e não se conhece se é uma espécie distinta de um animal como a baleia, que inicialmente era desconhecida, ou pode ser um monte de plantas aquáticas, ou se realmente é uma estranha criatura pré-histórica.
As hipóteses a favor de sua existência falam de um possível ser vivente resultado de uma mutação, resultado das atividades nucleares da região desde o ano 1960, que pode ter originado esta disforme criatura com aspecto monstruoso.
Também se afirma que na era dos indígenas, já o descreviam do mesmo jeito como hoje segue sendo descrito por aqueles que afirmam ter-lo visto.
Seja como for, hoje muitos dos turistas se acercam ao lago esperando que seus olhos vejam o que alguns temem ver: O Mostro do lago Nahuel Huapi.


Provável fotografia de Nahuelito, se pode perceber na imagem a cabeça e as costas do possível “animal pré-histórico”

Exibições: 1454

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Patricia Arguello em 2 Dezembro 2011 às 13:56

Viajar para Argentina es una optima idea para fin de ano ou ano novo!! um pase diferente para recibir o 2012!

Comentário de Anderson Oliveira em 2 Setembro 2011 às 15:55

Realmente Bariloche é uma cidade maravilhosa...

...foi uma das melhores viagens que já fiz na minha vida.
Recomendo a todos :D 

Comentário de Patricia Arguello em 2 Setembro 2011 às 14:34
Muito Bom!!!!

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Vida e obra de Frida Kahlo em livro com ilustrações de Maria Hesse

Criado por MyGuide 10 Out 2018 at 13:00. Actualizado pela última vez por MyGuide 10. Out, 2018.

Música e Cocktails ao final da tarde no Lisbon Marriott Hotel

Criado por Agenda MyGuide 9 Abr 2018 at 15:02. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Abr, 2018.

O Festival de Storytelling regressa a Lisboa e ao Porto

Criado por Joana Sá Pinto 2 Abr 2018 at 13:15. Actualizado pela última vez por Joana Sá Pinto 2. Abr, 2018.

© 2020   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço