CULTURA: Crítica - 127 Horas - Quais os limites da condição humana?

O filme realizado por Danny Boyle é baseado numa história verídica, de Aron Ralston, um alpinista que em 2003 fica preso numa ravina durante 127 Horas no Grande Canyon.

Quem se recorda da notícia, que teve algum mediatismo, tem conhecimento de como se desenrolará o filme, mas é interessante saber como é que Aron Ralston, num caso extremo como este, conseguiu lidar com a situação emocionalmente.

Durante o tempo de clausura, Aron reflecte sobre os momentos da sua vida que o levaram aquela situação, os erros que cometeu e as pessoas que fazem parte da sua vida.

É quase impossível durante o filme não fazer um paralelismo com o Lado Selvagem (Into the Wild), ambos os protagonistas isolam-se das pessoas que o rodeiam e abraçam a natureza como a sua família, e no final tanto Aron Ralston como Chris McCandless (Lado Selvagem) acabam por chegar à mesma conclusão, de que só somos realmente felizes quando podemos partilhá-lo com alguém.

O filme, muito bem realizado por Danny Boyle, mostra James Franco num papel digno de um Óscar, transmitindo ao espectador todo o seu sofrimento, angústia e paranóia.

O facto é que à medida que os dias passam, e não vamos esquecer que são praticamente 5 dias, não deixamos de estar admirados de como é que este alpinista consegue ter a força de espírito para aguentar a situação e para tomar a decisão que tomou e questionamo-nos sobre o que faríamos na mesma situação.

 

O filme avança a um ritmo bastante rápido, e os últimos 20 minutos são vertiginosos com cenas chocantes, capazes de provocar desmaios, como aconteceu em Sidney durante a visualização. É certamente não aconselhado aos mais sensíveis.

 

 

 

O filme estreia a dia 24, vale a pena conhecer a história.

Exibições: 647

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Erica Duarte em 22 Fevereiro 2011 às 20:45

Eu já conheço a história de Aron Ralston e estou mesmo muito curiosa para ver o filme, apesar de já saber o que vai acontecer :/

Comentário de Inês Sousa Almeida em 22 Fevereiro 2011 às 20:32

Eu adorei o Into the Wild, mas não acaba bem não é?

Estou muito curiosa para ver este filme, deve ser muito bom mas a banda sonora nem se deve comparar!

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Aulas regulares (e para todos) no Museu do Oriente

Criado por MyGuide 5 Jan 2021 at 10:16. Actualizado pela última vez por MyGuide 5 Jan.

Pintar como os grandes

Criado por Agenda MyGuide 24 Nov 2020 at 18:30. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 24. Nov, 2020.

É um restaurante?

Criado por Agenda MyGuide 9 Nov 2020 at 11:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Nov, 2020.

© 2021   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço