A Feira Nacional da Agricultura 2011, em Santarém, proporcionou aos seus visitantes (entre outras coisas) excelentes espectáculos de música. Este ano brilharam no palco nomes importantes como os de Rui Veloso, Camané, Deolinda e Pedro Abrunhosa.

No Sábado, dia 11, foi a vez dos Xutos e Pontapés, que já no ano anterior tinham feito o recinto desta feira encher.

 

Já está na hora do concerto...  No palco, as luzas piscam, anunciando o espectáculo. Ocasionalmente entram pessoas do staff, para afinar instrumentos, e o público grita na expectativa.


O espectáculo demorava um pouco para começar, o que deixava impacientes os visitantes ansiosos. Quando a banda subiu ao palco, trazia consigo outro guitarrista.

Como se sabe, o Zé Pedro encontra-se hospitalizado para receber um transplante de fígado.
Já todos sabiam que não teríamos a honra da sua presença… o que não sabíamos era que iríamos ouvir o próprio Zé Pedro essa noite. É verdade, o concerto começou de forma emocionada, com uma chamada de Tim para Zé Pedro, que foi colocada em alta voz. Assim, o "mar de gente" que ali se encontrava pôde ouvi-lo a dizer que tudo estava a correr bem e a saudar o público de Santarém. Também Zé Pedro pôde ouvir a ovação que o público lhe fez.

 

E assim começou o Rock… aos primeiros acordes já estamos todos aos pulos... é impossível resistir à magia dos Xutos. É um verdadeiro fenómeno… tantas pessoas, tantas idades diferentes… todos a cantar a mesma letra.
E cantámos até as mais antigas como “Sémen”, e em conjunto gritámos  “Avé Maria”,
Mais uma vez os Xutos provaram que neste “Mundo ao Contrário” ainda existem pessoas, como estes homens da “classe de 79”, que conseguem unir as pessoas com um sentimento tão forte.
Cantaram-se os “Contentores”, e  “Para Ti Maria”.

Não podia faltar a saída da banda de palco, que depois regressa a pedido do público, para cantar, está claro… a “Casinha”. E que saudades que eu já tinha… de ouvir os Xutos ao vivo!
E assim terminou o concerto, em êxtase total. É uma química com o público difícil de explicar. Podem passar os anos, mas esta banda será sempre actual. As suas músicas cantarão sempre aquilo que há de mais simples e profundo em cada um de nós. E (esperemos que durante muitos anos) os Xutos continuem a entrar em palco, com a energia que sempre nos transmitem. É caso para perguntar a cada um dos elementos: "Como consegues ser tão bom?"

Exibições: 369

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Tânia Barreira em 15 Junho 2011 às 10:19
Foi Excelente! O telefonema foi sem dúvida o momento alto do concerto! :D
Comentário de António Manuel Barreiros em 14 Junho 2011 às 15:28
Xutos são Xutos. Nada a acrescentar! E o Zé Pedro ao telefone: deve ter sido arrepiante...
Comentário de Dorilda J. P.Freire Barreiros em 14 Junho 2011 às 14:33

Xutos, aquela velha máquina, de fazer o pessoal pular. Parabens.

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Aulas regulares (e para todos) no Museu do Oriente

Criado por MyGuide 5 Jan 2021 at 10:16. Actualizado pela última vez por MyGuide 5 Jan.

Pintar como os grandes

Criado por Agenda MyGuide 24 Nov 2020 at 18:30. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 24. Nov, 2020.

É um restaurante?

Criado por Agenda MyGuide 9 Nov 2020 at 11:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Nov, 2020.

© 2021   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço