Bernardo Sassetti morreu. A notícia corre veloz e implacável como uma bala. Ao som de uma das suas peças mais tocantes, antecipamos a saudade que já se sente deste músico de 41 anos que começou a tocar piano aos 9 anos e aos 18 já tinha escolhido o caminho do jazz, mas que ao longo da sua carreira não receou trilhar muitos outros. Das suas criações para bandas sonoras a colaborações com músicos como Carlos do Carmo, muitas foram as demonstrações de um talento maior e de uma sensibilidade infinita. Mais do que dizer que a sua morte representa uma perda para a música portuguesa, gostaríamos contudo de lembrar que a sua vida resultou numa enorme riqueza para a música nacional. Recordemo-la. Sempre.

Exibições: 137

Tags: cultura, música

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Filipa Studer em 15 Maio 2012 às 11:12

Ainda estou em estado de choque com o que aconteceu ao Bernardo.

Estas tragédias dão muito que pensar. A vida é tão frágil e preciosa e o ser humano desperdiça tantos e tantos minutos em coisas vãs e com tão pouca importância que deveria ser considerado um crime.

Que este dia fique gravado na memória dos que cá ficam e que nos recorde a todos que devemos viver focados apenas no essencial. Nunca saberemos quando será o nosso último dia.

Siga-nos no Facebook

Sugestão BestGuide

Eventos em Destaque

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...