NOITE: Silêncio, que se vai cantar o Fado!

Fosse, ou não, promovido a Património da Humanidade, seria sempre uma boa ocasião para prestar-lhe homenagem numa casa de fados perto de si.

O Fado é um marco de tradição em Portugal e um dos melhores factores culturais que nos identificam pelo Mundo fora. A nossa canção traduz uma emoção capaz de ultrapassar fronteiras e barreiras da linguagem. Conforme desejado e esperado, a UNESCO acaba de reconhecê-la como Património Imaterial da Humanidade.
Em jeito de homenagem, nós mostramos-lhe onde pode ir viver, em pleno, este espírito tão característico, seleccionando algumas casas de fados, em Lisboa e no Porto. Acompanhe-nos neste roteiro.

LISBOA

A Severa
Abriu portas em 1955 e segue a tradição com uma cozinha portuguesa tradicional de excelência e todo o espírito de Fado. A decoração também ajuda, com os seus painéis de azulejos pintados à mão, candeeiros de rua e alguns arcos, a criar o ambiente.
Numa casa onde também há folclore, o Fado é o protagonista, cantado todos os dias às nove e meia da noite.
João Queirós, Natalino Jesus, Lina Santos e Elsa Coimbra cantam acompanhados à guitarra por Armandino Santos e à viola por José Maria Nóbrega.

Morada: Rua das Gáveas, 55 – Bairro Alto
Telefone: 213 428 314
Site: A Severa

A Tasca do Chico
Francisco Gonçalves abriu em 1994 esta Tasca do Chico, casa dedicada ao fado vadio e que tem por lema manter a tradição.
Toda a decoração acompanha esta temática, com paredes cobertas de cartazes. A comida também é muito portuguesa, criando uma boa combinação com o espaço e o conceito.

Morada: Rua do Diário de Notícias, 39 – Bairro Alto
Telefone: 213 431 040
Facebook


Adega Machado
Criada pelos artistas Armando Machado e Maria de Lurdes Machado em 1937, esta casa recebe os melhores fadistas e as vedetas de renome em noites que reúnem o fado, o folclore português, com as cantigas e os bailados e, para o final de noite não esmorecer, uma animada marcha.
A comida que acompanha o espectáculo também se enquadra no tipicamente português, com o Caldo Verde, as entradas típicas portuguesas ou o bacalhau assado no forno, tudo acompanhado por um bom vinho. Existem menus para grupos, com um mínimo de doze pessoas.

Morada: Rua Norte, 91 - Bairro Alto
Telefone: 213 224 640
Site: Adega Machado


Adega Mesquita

Com espectáculo de fado e folclore, esta casa está aberta todos os dias a partir das oito da noite.
Recentemente remodelada, apresenta-se num espaço agradável onde comer uma boa refeição típica enquanto se ouve a música tradicional é, sem dúvida, um prazer.

Morada: Rua Diário de Notícias, 107 - Bairro Alto
Telefone: 213 219 280
Facebook


Café Luso
Esta é uma das mais conhecidas e prestigiadas casas de fado do país. Foi fundada em 1927, num magnífico espaço em pleno Bairro alto, anteriormente ocupado pelas antigas adegas de um Palácio Setecentista, e aqui fazem-se noites de fado e de folclore.
As noites de Fado contam actualmente com um elenco variado de fadistas, dos quais fazem parte Elsa Laboreiro, Iola Dinis, Isabel de Noronha, Filipe Acácio, Marco Rodrigues e Pedro Moutinho. Os instrumentistas são Luís Guerreiro, Eurico Machado, Pedro Amendoeira, António Neto e Jorge Carreiro.

Morada: Travessa da Queimada, 10 - Bairro Alto
Telefone: 213 422 281
Site: Café Luso


O Faia
Conhecida pela sua boa e tradicional cozinha, destacou-se principalmente pelo fado. Por aqui passaram nomes como Carlos do Carmo, Alfredo Marceneiro, Ada de Castro ou Camané.
Actualmente, Lenita Gentil, Anita Guerreiro, António Rocha e Ana Marta asseguram as noites de fado neste espaço.

Morada: Rua da Barroca, 54 a 56 - Bairro Alto
Telefone: 213 421 923
Site: O Faia


Clube de Fado
Situa-se no coração de Alfama, num espaço onde a arquitectura, com as paredes de pedra, as colunas, o tecto ogival e as lages ajudam à criação do ambiente tradicional de uma casa onde se respira o fado.
A cozinha, tradicional portuguesa, é de excelência, e o fado transita de profissionais para amadores, convidando-se todos quanto queiram a participar também, num ambiente muito informal.
Os artistas presentes são de renome: Cuca Roseta, Maria Ana Bobone, Rodrigo Costa Félix, Diamantina, Carmo Moniz Pereira, Miguel Capucho, Teresa Lopes Alves, Luísa Rocha, António Vasco Moraes, Cristina Nóbrega, Cristiana, Diogo Clemente, entre outros. Dos músicos destaque para o, também gerente deste espaço, Mário Pacheco, guitarrista e compositor, artista reconhecido na área do fado, tendo mesmo ganho o Prémio Amália Rodrigues na categoria “Melhor Compositor de Fado”. Um espaço de passagem obrigatória, tanto para turistas como para nacionais ou mesmo alfacinhas de gema.

Morada: Rua de S. João da Praça, 86 a 94 - Alfama (junto à Sé)
Telefone: 218 852 704
Site: Clube de Fado


Marquês da Sé
Também em Alfama, este espaço muito lisboeta, residente num edifício do século XVIII, oferece o fado no ambiente muito tradicional.
A comida é típica, a começar na linguiça servida com as entradas, passando pelo caldo verde e a acabar nas pataniscas de bacalhau com arroz de feijão. A carta de vinhos é enriquecida pelos melhores vinhos das várias regiões produtoras do país.
Para acompanhar o jantar (e a maior parte das vezes também a ceia) Maria Armanda, Pedro Moutinho, Francisco Sobral, Cláudia Leal e Ana Roque são alguns dos artistas que aqui actuam.

Morada: Largo Marquês do Lavradio, 1 - Alfama
Telefone: 218 880 234
Site: Marquês da Sé
Facebook

Mesa de Frades
Muito acolhedor, este bonito espaço promove a proximidade entre os artistas e o seu público.
A comida está à altura e o atendimento é simpático.

Morada: Rua dos Remédios, 139-A – Alfama
Telefone: 917 029 436
Facebook

Casa de Linhares - Bacalhau de Molho
Está situado nas fundações da Casa dos Condes de Linhares, um espaço grande, com um pé direito de sete metros, uma estrutura assente em colunas de pedra e uma enorme lareira que sobressai e transmite um ambiente muito acolhedor.
A comida é de qualidade e trabalhada de forma especial. Com base em ingredientes típicos portugueses, nascem pratos mais modernos e inovadores, como é o caso do folhado de pasta de morcela com puré de maçã, o pastel de alho francês com arroz de coentros, os pimentos assados recheados com arroz e salada ou o polvo à lagareiro com espinafres e batatinhas assadas com pele. Mas não esquece o indispensável caldo verde.
Os artistas presentes são também nomes conhecidos do fado como Raquel Tavares, Fábia Rebordão, Vânia Duarte e Maria do Carmo Themudo, entre outros. As vozes visitantes são convidadas de luxo: Ana Moura, Mafalda Arnauth, Celeste Rodrigues, Cidália Moreira e Marina Mota.

Morada: Beco dos Armazéns do Linho, 2 - Alfama
Telefone: 218 865 088
Site: Casa de Linhares

Parreirinha de Alfama
Casa de ambiente acolhedor onde a cozinha tradicional portuguesa e o também tradicional fado combinam na perfeição.
Das especialidades da casa fazem parte o arroz de tamboril, a caldeirada, o cabrito assado no forno e a carne à saloia. O típico arroz-doce encerra a refeição com chave de ouro.

Morada: Beco Espírito Santo, 1 – Alfama
Telefone: 218 868 209
Site: A Parreirinha de Alfama

Sr. Vinho
A gastronomia do Sr. Vinho chama a atenção logo nas entradas com, por exemplo, as vieiras gratinadas, a alheira com ananás ou o camarão à lagareiro, sem esquecer, obviamente, o presunto e o queijo da Serra. Indicadas como especialidades estão, entre outros, a caldeirada de tamboril, o bacalhau assado, a perdiz à Senhor Vinho, o arroz de marisco e a carne de porco à saloia.

Mas o naipe de artistas é a verdadeira atracção da casa, destacando-se nomes como Maria da Fé, Aldina Duarte, António Zambujo, Maria Dilar, Vanessa Alves, Filipa Cardoso, Liliana Silva e Duarte, acompanhados pelos músicos Paulo Parreira e Rogério Ferreira.


Morada: Rua do Meio à Lapa, 18 - Madragoa
Telefones: 213 972 681/ 213 955 830/ 213 977 456
Site:Sr. Vinho

Timpanas
Restaurante típico, com apresentações de folclore e fado ao vivo.
O nome “Timpanas” tem origem no filme clássico e com a temática do fado "A Severa".
As sugestões na ementa vão para as gambas ao alho com cogumelos grelhados "Timpanas", nas entradas, a garoupa grelhada com molho "Bulhão Pato", o bacalhau com queijo da Serra e os medalhões de vitela "Alcântara" nos pratos principais e, para terminar, uma sericaia ou um bolo de chocolate e moka.

Morada: Rua Gilberto Rola, 22-24 – Alcântara
Telefone: 213 906 655
Site: Timpanas
Facebook

Velho Páteo de Sant’Ana
Fica num dos pátios lisboetas que tão bem caracterizam os bairros mais típicos da cidade. A decoração também é uma recriação desses espaços, sobretudo depois da remodelação feita pela mais recente proprietária. Pelo espaço vemos os tão típicos vasos de flores, a calçada portuguesa e os candeeiros lisboetas.
O ambiente é de festa e descontraído, onde o fado é o convidado de honra. Maria Valejo, Liana, Jaqueline Carvalho, Joana Baeta, Ricardo Parreira, José Manuel Barreto e António Ganhão são alguns dos artistas que o trazem até ao público desta casa.
O bacalhau, as espetadas e as cataplanas de peixe e marisco são as especialidades no que toca à cozinha.

Morada: Rua Dr. Almeida Amaral, 6 - Campo de Santana
Telefone: 213 141 063
Site: Velho Páteo de Sant'Ana
Facebook


PORTO

O Fado

Aberto de segunda a sábado a partir das oito e meia da noite, esta casa combina a comida tradicional e regional com a mais tradicional das canções portuguesas.
O bacalhau e o polvo à Lagareiro, o arroz de bacalhau com pataniscas, os rojões à moda do Minho ou a posta mirandesa são algumas das sugestões gastronómicas para acompanhar a noite, juntamente com um bom vinho.

Morada: Largo São João Novo, 16
Telefone: 222 000 212
Site: O Fado


Casa da Mariquinhas
Bem no centro histórico do Porto, é a casa de fados mais antiga da cidade, onde as noites são marcadas pela actuação de profissionais.
Está aberta de quarta a segunda, das três da tarde às duas da manhã, e as especialidades são o bacalhau à Mariquinhas, os filetes com amêndoa crocante, o bife à Mariquinhas e o cordon bleu de carne branca e hortelã.

Morada: Rua São Sebastião, 25
Telefone: 915 613 877
Site: Casa da Mariquinhas
Facebook


Mal Cozinhado
Está instalada num edifício do século XIV, a sua decoração é rústica e o ambiente muito típico, com a deliciosa gastronomia portuguesa. Grandes nomes do fado como Carlos do Carmo, Tony de Matos, Dulce Pontes e o grande ícone Amália Rodrigues já actuaram aqui.
Recebeu a distinção de utilidade e relevância turística pela Secretaria de Estado do Turismo.
O fado toca-se e canta-se todos os dias, de segunda a sábado.

Morada: Rua do Outeirinho, 11
Telefone: 222 081 319
Site: Mal Cozinhado


Casa de Santo António
Neste espaço, a tradição e a modernidade cruzam-se e confundem-se num novo conceito, ao intitularem-se de tasca gourmet.
Os petiscos, acompanhados de um bom vinho não faltam, criando um ambiente familiar, apelando ao convívio, como é preciso para uma boa noite de fados.
O espaço, situado num edifício centenário, foi recentemente remodelado para se tornar mais confortável e acolhedor.

Morada: Rua S. Bento da Vitória, 80
Telefone: 931 698 730
Facebook

Se gostou deste roteiro e gostaria de enriquecê-lo com algumas sugestões, sinta-se à vontade para fazê-lo na zona de comentários em baixo.

Exibições: 6442

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Luis Marques Cotonete em 14 Dezembro 2011 às 17:36

Agradeço a informação, mas esta devia de ser mais criteriosa. Neste artigo, estão casas que são uma ofensa ao Fado, têm o negócio montado para enganar os turistas e só dão uma má imagem desta nossa tradição.

Comentário de Joana Sá Pinto em 30 Novembro 2011 às 16:29

Parabéns ao fado! E a todas estas casas e pessoas que tudo fazem para promovê-lo!

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Pintar como os grandes

Criado por Agenda MyGuide 24 Nov 2020 at 18:30. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 24 Nov.

É um restaurante?

Criado por Agenda MyGuide 9 Nov 2020 at 11:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9 Nov.

Contagem decrescente para o Halloween

Criado por Agenda MyGuide 21 Out 2020 at 12:32. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 30 Out.

© 2020   Criado por MyGuide S.A. Livro de reclamações   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço