GASTRONOMIA: Ode aos Formigos ou Descobertas de Natal no Porto

Já estou mesmo a ver o que vão dizer: Como é que esta criatura, depois de um fim de semana de intensivo enfardamento de doces, tem coragem para vir para aqui falar de... mais doces? Desculpem, tem de ser. Um artigo impõe-se e vem com dedicatória: Álvaro Reis, este é para ti! Depois do teu interessantíssimo artigo (ver http://myguide.iol.pt/profiles/blogs/gastronomia-e-que-tal-uns), eis que encontrei a muito mais recomendável maneira portuguesa de consumir insectos: OS FORMIGOS!

Julgava eu que era versada em doces natalícios tradicionais e que era certinho que os dos Sul batem os do Norte! Sim, porque nisto de rivalidade regionais eu torço por quem me der mais... estaladiço! As rabanadas e as aletrias que costumo comer na região do Porto nunca me fazem esquecer o barulhinho crocante de uma dentada bem dada num coscorão alentejano douradinho. Cá para mim, os doces de Natal não se comem à colher, não senhor!
Até ontem...
Descobri os formigos! E que maravilha! O aspecto não é dos melhores, mas o sabor... venham colheradas deles! É simples: pão, mel e frutos secos - passas, pinhões, nozes... Vendo bem as coisas, acaba por ser uma espécie de açorda... mas doce! A propósito, também lhes ouvi chamar mexidos ou sopa doce, mas para me meter aqui com o Álvaro, prefiro continuar a chamar-lhes formigos. Tem mais piada, convenhamos.

E não fico por aqui. Houve também outra descoberta gastronómica: os bolinhos de bolina.

A bolina, para quem não sabe, é o que chamam no Norte à abóbora-menina e os bolinhos que dela resultam são bons de mais
para os deixar de lado neste artigo. São fritos, mas muito húmidos e como não são grandes (aproximadamente do tamanho de um pastel de bacalhau) não são tão enjoativos como os sonhos de abóbora, por exemplo. E o pior é que são de consumo compulsivo! É muito fácil comer uns três ou quatro de seguida, especialmente se tiverem pinhões dentro! Fiquei rendida!

E pronto, vemo-nos nos meus próximos artigos sobre lojas de roupa para tamanhos grandes!

Álvaro, espero que com estas sugestões deixes os vermes de lado por uns tempos!

Exibições: 3476

Adicione um comentário

Você tem de ser membro de MyGuide para adicionar comentários!

Entrar em MyGuide

Comentário de Rui Mesquita em 22 Dezembro 2011 às 16:16

Myguide, o mel deita-se na calda, onde já estão 2 paus de canela. Não muito para não enjoar. Só mesmo para dar gosto q.b.

Depois deixo aqui a receita. :)

Comentário de Pedro Castanheira em 22 Dezembro 2011 às 16:02

E pensava eu que era guloso. A concorrência é forte Marina. Vou confessar, eu tenho um defeito, adoro os doces do Sul, como adoro os doces do Norte, para mim o ideal é ter os dois à mesa, agora como um, de seguida como o outro e vou por aí fora. É uma delícia e só choro no dia seguinte, que é quando me sinto mais pesado. O Natal tem destas coisas 

Comentário de Marina Soares em 22 Dezembro 2011 às 15:38

Tens de comprar os cacetes hoje ou amanhã, senão desfazem-se as fatias!!

Comentário de MyGuide em 22 Dezembro 2011 às 15:37

Queremos a receita, Rui! Mel em vez de açúcar e canela? Mel no leite?

Comentário de Rui Mesquita em 22 Dezembro 2011 às 15:32

Bem, bem, vão cair cá no bucho, as rabanadas à moda da minha mãe que vou tentar emular pela 2ª vez desde que me mudei para Lisboa.

Ps- O truque está no mel. :)

Comentário de MyGuide em 22 Dezembro 2011 às 15:00

É um artigo já com um ano, mas que cai sempre bem nesta altura do ano.

Comentário de alvaro reis em 28 Dezembro 2010 às 19:24

Boa!! Estou ansioso para saber essa receita:)

Comentário de Marina Soares em 28 Dezembro 2010 às 12:29
Já estou a tratar de arranjar a receita, Álvaro e depois, Ana, hás-de desforrar-te desse Natal tão insípido!
Comentário de Ana Pinheiro em 27 Dezembro 2010 às 18:23
Marina, tu és cruel. Não só para os que andam enjoados de tanto comer, mas especialmente para aqueles de nós a quem foram proibidos os exageros natalícios, depois de andarem a líquidos durante uns dias. Mas a vingança serve-se fria: o artigo sobre lojas de roupas de tamanhos pequenos é meu! ;)
Comentário de alvaro reis em 27 Dezembro 2010 às 16:54

Pronto Marina, dou o Braço a torcer:) Não há doçaria como a nossa...

Julgava eu que estava enjoado de tanto doce natalicio, mas até que já comia um formigo. E que tal partilhar essa receita?

 

COMUNIDADE MYGUIDE

O Myguide.pt é uma comunidade de Viagens, Lazer e Cultura.

Regista-te e publica artigos, eventos, fotos, videos e muito mais.

Sabe tudo sobre o Myguide aqui

Editores em destaque

EM DESTAQUE

Notícias

Vida e obra de Frida Kahlo em livro com ilustrações de Maria Hesse

Criado por MyGuide 10 Out 2018 at 13:00. Actualizado pela última vez por MyGuide 10. Out, 2018.

Música e Cocktails ao final da tarde no Lisbon Marriott Hotel

Criado por Agenda MyGuide 9 Abr 2018 at 15:02. Actualizado pela última vez por Agenda MyGuide 9. Abr, 2018.

O Festival de Storytelling regressa a Lisboa e ao Porto

Criado por Joana Sá Pinto 2 Abr 2018 at 13:15. Actualizado pela última vez por Joana Sá Pinto 2. Abr, 2018.

© 2019   Criado por Administrador Transglobal.   Ativado por

Crachás  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço